Alimentação

Dieta dos Pontos: Emagrecer Com Hambúrguer? Veja o Guia Completo

Sabedoria do Emagrecimento
Escrito por Sabedoria do Emagrecimento em 30 de abril de 2019
Dieta dos Pontos: Emagrecer Com Hambúrguer? Veja o Guia Completo
Junte-se a mais de 2.000 pessoas

Entre para nossa lista VIP e receba com prioridade conteúdos exclusivos

Você já deve ter feito uma dieta que não deu resultado e também conhecido uma série de dietas que prometem muito, mas fazem pouco. Mas fique tranquila, porque já vou te contar como a dieta dos pontos vai solucionar os seus problemas!

Primeiro de tudo, saiba também, que de fato existem técnicas que pregam o emagrecimento rápido, entretanto, não conseguem atingir nem o primeiro dos resultados.

Acredite, acima de tudo, eu sei como você se sente!

Pois toda essa frustração de se pesar na balança no final de cada semana, e ver que nada mudou, é normal. Porém, o problema está exatamente no método que você tem usado para perder peso.

Mas e agora, será que não tenho mais saída? Como eu vou encontrar uma dieta de qualidade?

Por outro lado, para a sua sorte, eu posso repassar um pouco dos conhecimentos que acumulei em meu próprio processo de emagrecimento.

Em primeiro plano, vou te falar sobre uma dieta que acima de tudo me fez ter um novo rumo!

Conhecida como dieta dos pontos, essa é uma das técnicas mais eficientes da atualidade.

Você não vai ficar de fora dessa, certo?

Afinal, o que é a dieta dos pontos?

Ponto de interrogação desenhado em giz sob um fundo preto

A dieta dos pontos é uma técnica baseada em índices de pontuação, que são atribuídos para cada um dos ingredientes das refeições.

Mas basicamente, o conceito se refere a um sistema de classificação para consumir alimentos de maneira consciente.

Além disso, você precisa descobrir qual é o valor nutricional adequado para o seu consumo diário, tanto para manter o peso quanto para emagrecer. Entretanto, a dieta dos pontos não é a mesma coisa do que as técnicas de corte de calorias.

Pois o cálculo é bem mais complexo e também envolvem diversas outras variáveis.

É interessante ainda notar que a pontuação adequada varia de acordo com o perfil de cada pessoa. Porque cada indivíduo possui uma necessidade diferente. No entanto, é importante esclarecer que a dieta dos pontos é acessível para todos.

Como funciona a dieta dos pontos?

Biscoitos representando uma equação de soma análoga a dieta dos pontos

Inicialmente, a dieta dos pontos funciona por meio do controle da alimentação diária, em que todos os dias, certamente existe um número fechado de pontos que você pode atingir em suas refeições.

E ainda, além disso, é ideal que você não ultrapasse ou fique muito abaixo desse valor.

Para você fazer um controle eficiente, uma excelente dica é utilizar uma agenda para anotações, por exemplo. Assim, como resultado, você também consegue calcular exatamente o valor ingerido todos os dias.

Além disso, se você passar dos limites, certamente é possível compensar nos dias seguintes. Entretanto, recomendo que o planejamento da dieta dos pontos seja acima de tudo seguido com o máximo de precisão, para que assim, você não comprometa as etapas seguintes da dieta.

Passo a passo simples para emagrecer com a dieta dos pontos

Agora que você já entendeu o conceito por trás da dieta dos pontos, está na hora de montar a sua rotina de emagrecimento, para que você, finalmente, consiga emagrecer e também alcançar a boa forma que sempre sonhou.

Aplicando a Dieta dos Pontos

Primeiro de tudo, verifique abaixo como fazer o sistema de pontuação na prática:

1. Conheça a sua taxa de metabolismo basal

Pessoa realizando cálculo, representando a taxa basal, sob uma mesa

Muitas pessoas pensam logo no índice de massa corporal, ao mencionar um sistema de pontuação relacionado ao peso.

Mas, na realidade, é necessário ficar de olho em outra medida antes de passar para as etapas seguintes.

A primeira coisa a se fazer é calcular a taxa de metabolismo basal (TMB) – Wikipedia. Em termos simples, esse valor é referente ao mínimo de energia com a qual o seu corpo consegue funcionar em repouso.

Basicamente, o metabolismo basal é um valor energético utilizado para satisfazer as necessidades mais básicas do organismo, como a respiração e os batimentos cardíacos, por exemplo, entre outros. Assim, essas são as chamadas funções vitais.

Agora, para fazer o cálculo é bem simples. De acordo com a Equação de Harris Benedict (1919), que atualmente é uma das mais utilizadas, temos:

Para os homens, utilize apenas a seguinte fórmula: 66,5 + (13,75 × quantidade do seu peso em kg) + (5.003 × o valor da sua altura em cm) – (6.755 × idade).

Já se você for mulher, faça só o seguinte cálculo: 655,1 + (9,563 × quantidade do seu peso em kg ) + (1.850 × o valor da sua altura em cm ) – (4.676 × idade).

Mas não se preocupe em fazer essas contas agora, porque eu fiz uma calculadora para deixar tudo mais fácil para você. Continue lendo o artigo que já chegaremos lá!

2. Verifique o seu enquadramento na tabela de ritmo diário

Agora que você já sabe qual é a sua taxa de metabolismo basal, está na hora então de entender como é o seu comportamento no dia a dia.

Essa próxima etapa é a responsável por apontar uma rotina sedentária ou movimentada, consequentemente, é necessário então que você entenda mais sobre esses índices para calcular a quantidade ideal de ingredientes a serem consumidos.

Veja abaixo a tabela que eu fiz para você com os valores referente a cada tipo de pessoa:

Ritmo DiárioMulheresHomens
Dias sedentários1,21,2
Dias movimentados sem atividades físicas1,31,3
Dias movimentados com atividades físicas por 30 minutos1,351,4
Dias movimentados com atividades físicas de 30 minutos a 1 hora1,451,5
Dias movimentados com atividades físicas de 1 hora a 2,5 horas1,51,6
Dias movimentados com atividades físicas por 3 horas ou mais1,71,8

Essa tabela contém possíveis valores respectivos ao ritmo de atividade física do seu cotidiano, para que assim seja possível calcularmos juntos a quantidade de pontos necessários para a sua dieta.

3. Veja quanto consumir para não passar da conta na dieta dos pontos

Equação matemática: 1+1=3, mostrando o erro ao somar-se na dieta dos pontos

Ok, se você está aqui, certamente já sabe como calcular o seu metabolismo basal e o seu ritmo diário. Logo, antes de determinar o número de pontos necessários para emagrecer, vamos ver qual é o seu limite para manter o peso normal.

Essa é uma base para calcular a quantia de emagrecimento e para controlar a sua alimentação com sucesso.

Para descobrir a quantidade de pontos para manter o seu peso normal, basta multiplicar a sua taxa de metabolismo basal pelo número correspondente do ritmo diário. Depois, apenas divida o resultado por 3,6.

4. Calcule o seu índice de massa corporal (IMC)

Mulher com marcações em regiões com maior índice de gordura

Nessa próxima etapa, vamos começar então a verificar a quantidade de pontos necessários para o emagrecimento efetivo. Mas para isso, você vai precisar saber onde o seu peso se encaixa no IMC.

O índice de massa corporal é extremamente confiável, ainda mais por ser determinado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

O cálculo é simples:

IMC = peso em kg / (altura em metros)²

O peso normal é indicado pelo IMC de 18,5 a 24,9 kg/m². Logo, valores menores estão abaixo do peso, enquanto maiores estão acima do peso.

5. Veja quantos pontos você pode acumular na dieta dos pontos

Chegou a hora da verdade! É, certamente, nesta etapa que você saberá quantos pontos pode acumular para perder peso com qualidade.

O cálculo é simples e envolve o resultado da terceira e da quarta etapa.

Primeiro de tudo, você vai analisar o seu IMC e trocar o valor por uma quantidade determinada de pontos.

Para as mulheres, temos:

  • IMC entre 25 e 29,9 = 175 pontos;
  • IMC entre 30 e 34,9 = 200 pontos;
  • IMC entre 35 e 39,9 = 250 pontos;
  • IMC maior que 40 = 300 pontos.

Já para os homens, temos:

  • IMC entre 25 e 29,9 = 200 pontos;
  • IMC entre 30 e 34,9 = 225 pontos;
  • IMC entre 35 e 39,9 = 275 pontos;
  • IMC maior que 40 = 325 pontos.

Dessa forma, anote apenas o número obtido no passo três e subtraia a quantidade de pontos do IMC desse valor. Porque assim, como resultado, você terá a quantia ideal para perder peso. Até que enfim!

6. Calculadora de Pontos, IMC e TMB

Então agora, calcule facilmente a sua pontuação para a dieta dos pontos, assim como o seu IMC e o seu TMB, inserindo somente os seus dados abaixo. É rápido, questão de segundos!

Coloque essa calculadora no seu site! Clique aqui para copiar o código.

7. Escolha os alimentos corretos na dieta dos pontos

Alimentos corretos para a dieta dos pontos

Finalmente, estamos chegando ao final do nosso passo a passo para perder peso com a dieta dos pontos.

Mas ainda é necessário separar os alimentos para compor um cardápio final. Então, veja abaixo algumas dicas que eu separei para você:

Legumes

Os valores a seguir correspondem a uma porção média de cada um dos ingredientes.

Na hora de consumir legumes, existem alguns ingredientes que são mais ou menos indicados, de acordo com a sua necessidade metabólica. Acompanhe então alguns dos mais conhecidos, como exemplo:

  • Concha de feijão = 27 pontos;
  • Colher de lentilha = 5 pontos;
  • Colher de purê de batata = 20 pontos;
  • Pedaço de inhame = 20 pontos;
  • Uma batata doce = 40 pontos.

Cuidado para não passar dos limites e acabar consumindo mais de uma porção. Pois assim, a sua dieta certamente não funcionará se você não seguir as quantidades corretas.

Vegetais

É mais fácil programar as quantidades consumidas de vegetais, ainda mais por vários deles possuírem um mesmo valor em pontuação.  

Recomendamos que você invista bastante nessa classe de alimentos, visto que, a sua dieta dos pontos será mais eficiente. É ideal, acima de tudo, priorizar os ingredientes que somam 10 pontos.

Vale citar, ainda, que esses 10 pontos correspondem a uma média de 2 colheres de sopa do alimento. Por isso, é indispensável ficar atenta no momento de introduzir vegetais à refeição.

Alguns dos principais ingredientes que somam 10 pontos são, por exemplo: abobrinha, berinjela, cebola, cenoura, brócolis, palmito, beterraba, pimentão, vagem, quiabo, abóbora e chuchu.

Cereais

Os cereais possuem um cálculo simples também. Eles se dividem basicamente em 4 ingredientes, parece até pouco, mas são os mais indicados para quem quer obter bons resultados com a dieta dos pontos.

Sei que os cereais são de difícil controle. Porque afinal, quem não está acostumado a comer arroz em pelo menos duas refeições diárias?

Acredite, a força do hábito pode ser uma grande inimiga nessas horas.

A soma de pontos a seguir é referente a uma colher de sopa de cada ingrediente.

O arroz branco é o único que fica com 10 pontos, respeitando a quantidade indicada, enquanto granola, farinha de trigo e fubá somam 20 pontos cada, por exemplo.

Gorduras

Para satisfazer todas as necessidades metabólicas sem sacrificar a dieta dos pontos, você também precisa de gorduras nas refeições. Entretanto, é necessário saber investir nos alimentos corretos para equilibrar a energia dentro do corpo.

Assim, separei uma medida de pontos para três dos mais conhecidos ingredientes que fornecem gordura ao organismo. A porção de referência é uma colher de sopa.

O azeite, primeira gordura do cardápio, soma 20 pontos. Da mesma forma que os óleos vegetais, independentemente do tipo, e a manteiga, também possuem a mesma quantidade.

Como resultado desse valor igual, é mais fácil inserir gorduras de maneira consciente nas refeições diárias. Mas lembre-se que não vale exagerar na quantidade, porque isso é muito importante!

Frutos do mar

Frutos do mar são excelentes pedidas para fornecer um pouco de proteína na hora das refeições.

Dessa forma, separei então uma boa tabela com todos os pontos e quantidades desses ingredientes, para que você possa escolher com maior liberdade. Aqui, as quantidades são de 100 gramas para cada alimento:

  • Camarão = 28 pontos;
  • Dourado = 22 pontos;
  • Siri = 26 pontos;
  • Caranguejo = 23 pontos;
  • Salmão = 60 pontos;
  • Atum = 40 pontos;
  • Mexilhão = 22 pontos.

É indispensável ainda ficar de olho no tipo de peixe que você está comprando. Pois certamente existem alguns que acumulam muita gordura, e podem ser pesados para uma refeição menor, por exemplo.

Como é o caso do nosso querido salmão, por exemplo, que acaba sendo a preferência de várias pessoas em dieta.

Laticínios

Sim, todo mundo consome laticínios. Eu, por exemplo, quando comecei a fazer dieta, tinha bastante dificuldade em largar os derivados do leite.

Mas você não precisa fazer isso!

Basta apenas saber equilibrar e escolher os seus alimentos em todas as refeições do dia. Assim é mais fácil, e consequentemente, você também atinge a quantidade de pontos comendo o que tiver vontade.

Quando falamos sobre laticínios, esta tabela de pontos abaixo pode ser de grande ajuda:

  • 200 ml de leite desnatado = 30 pontos;
  • 1 colher de creme de leite = 40 pontos;
  • 1 colher de leite condensado = 18 pontos;
  • 1 unidade pequena de iogurte = 18 pontos;
  • 1 fatia de queijo branco = 15 pontos;
  • 1 unidade de mussarela de búfala = 40 pontos.

Bebidas

Por fim, chegamos às bebidas. Mas, primeiro de tudo, vou mostrar a quantidade de pontos de líquidos que não são sucos:

  • 200 ml de água de coco = 10 pontos;
  • 500 ml de gatorade = 35 pontos;
  • 200 ml de coca-cola = 24 pontos.  

Acima de tudo, os sucos são bem mais vantajosos do que essas bebidas que mencionei acima, devido a sua menor quantidade de pontos, e também, por ainda serem de origens naturais.

Para medir o valor ideal, vamos utilizar uma quantidade de 200 ml de suco. Acompanhe os menos calóricos, por exemplo:

  • Suco de limão = ZERO pontos;
  • Suco de maçã = 7 pontos;
  • Suco de maracujá = 7 pontos;
  • Suco de amora = 8 pontos;
  • Suco de kiwi = 8 pontos;
  • Suco de beterraba = 10 pontos;
  • Suco de tomate = 10 pontos.

8. Tabela da Dieta dos Pontos com + 270 Alimentos

Sei que já foi citado alguns exemplos de alimentos, mas para ficar ainda mais cômodo e completo para você, fiz e estou disponibilizando um infográfico gratuito com mais de 270 alimentos, para assim, você ter maior liberdade de realizar um cardápio gostoso e satisfatório!

Se você quiser, ainda pode baixar esse infográfico clicando aqui. Desta forma, ele estará disponível sempre que você desejar, facilitando o seu dia-a-dia.

Veja agora a tabela de pontos abaixo:

[Infográfico] Tabela da Dieta dos Pontos
-> Clique Aqui para baixar a Tabela em Alta Definição <-

Coloque esse infográfico no seu site! Clique aqui para copiar o código.

Aproveite e mande para aquela amiga, porque vocês podem fazer juntas!

9. Monte um cardápio semanal para a dieta dos pontos

Exemplo de cardápio para a dieta dos pontos: filé de frango e saladas

Em suma, o guia foi extenso, mas calma! Estamos quase chegando ao final. Provavelmente, você está quase pronta para fazer a dieta dos pontos individualmente.

Só falta apenas uma etapa: a programação das suas refeições diárias. Recomendo que você faça como eu e monte um cardápio por semana, por exemplo.

Então, em primeiro lugar, tire um domingo de descanso para se programar, pois a sua dieta merece uma atenção especial.

Conclusão: Está pronta para arregaçar as mangas e entrar no shorts que você tanto gosta?

Mulher com a mão no shorts, análoga a dieta dos pontos.

Como foi discutido, tudo isso funciona a partir de um método inteligente e comprovado, do mesmo modo que também, possibilita a perda de peso a longo prazo.

Então agora, se você realmente quer dar uma chance a dieta dos pontos, acompanhar esse conteúdo é um importante primeiro passo. No entanto, certamente existem ainda várias outras dicas que também são extremamente eficientes.

Para não ficar de fora, posteriormente, assine nossa newsletter clicando aqui e ainda pegue um presente, um E-book Completo com os Fundamentos do Emagrecimento, ao qual trago dicas novinhas em folha com exclusividade para quem, acima de tudo, quer realmente perder peso com saúde.

E você? Pronta para emagrecer comendo aquele hambúrguer?

Compartilhe esse guia com aquela amiga, assim, vocês emagrecem juntas comendo hambúrguer! Incrível não é?

Comente aqui embaixo o que achou dessa dieta, ou se ainda tiver alguma dúvida, é muito importante deixá-la aqui, que vou buscar satisfazê-la ao máximo!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre para nossa lista VIP e receba com prioridade conteúdos exclusivos

Junte-se a mais de 2.000 pessoas

Voltar ao Topo